ARTIGO – O Brasil que queremos está em nossas mãos!

 

     Passa por cada um de nós a mudança que queremos ver no mundo, como dizia o grande líder Mahatma Gandhi.

     Essa máxima nunca foi tão atual. Durante muito tempo terceirizamos nossas responsabilidades, deixamos que as discussões importantes sobre a sociedade – e que têm grande impactos em nossas vidas – fossem protagonizadas por pessoas que não conhecem nossa realidade, nossos medos, angústias e sofrimentos.

     Para além do desconhecimento, identificamos conduta ainda mais perniciosa: a falta de compromisso com o povo, com as pessoas, com os trabalhadores.

     Precisamos interromper este padrão, quebrar essas práticas e começar – cada um, todos nós – a tomar as rédeas do nosso destino, assumir a autoria da vida que queremos ter e que merecemos!

      No entanto, para mudar, para recomeçar a sonhar, ter uma vida melhor e mais feliz, precisamos tomar assento nos debates; começar a fazer as escolhas certas; estar mais perto das instituições; exigir que a nossa voz seja ouvida.

     O Brasil que queremos está em nossas mãos! É importante que tenhamos consciência da força que dispomos, quando, juntos, lutamos pelo nossos sonhos.

     Em 2018, vamos à luta! Não podemos mais permitir os abusos com o dinheiro, público; não podemos permitir o descaso com as pessoas; não podemos permitir que desprezem nosso poder.

     Por isso, devemos estimular as conversas – livre de intolerância, com bom senso – em nossas casa, no nosso trabalho, com as pessoas que temos afinidade; enfim, a mudança no nosso país começa todos os dias, no ônibus, na escola, na academia.

     Muitas lutas terão início, neste novo ano. O SECVGAF inicia campanha buscando criar essa consciência e te chamar para fazer parte. Não vamos aceitar o fim da Aposentadoria e muito menos que os mesmos políticos que traíram os trabalhadores, votando a favor da Reforma Trabalhista, continuem exercendo cargos públicos! Não vamos aceitar que políticos envolvidos em casos de corrupção estejam nos principais cargos da República. É inadmissível!

     É fácil? Não, não é, mas se nos esforçarmos verdadeiramente, conseguiremos! Seremos vitoriosos. Pesquise sobre os políticos nas redes sociais, busque informações sobre seu passado, leia as propostas, converse com as pessoas! Assim, sua escolha, com certeza, será mais assertiva e teremos grandes chances de ter o Brasil que queremos!

 

Milton Melo – Presidente do SECVGAF                 

 

 

Acompanhe a campanha acessando nosso facebook (www.facebook.com/secvgaf)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − 10 =